sexta-feira, 1 de abril de 2011

Mãe Divina



Mãe divina, onde estás?

Esta noite me sinto quebrado em dois.
Eu vi estrelas cair do céu.
Mãe divina, não consigo não chorar.


Oh eu preciso de sua ajuda desta vez,
Me ajude apassar esta noite solitária.
Me diga por favor para que lado ir
Para me encontrar de novo


Mãe divina, escute minha oração,
De algum modo eu sei que você ainda está aí.
Me mande por favor um pouco de paz de espírito;
Leve embora esta dor.


Eu não consigo, eu não consigo, eu não consigo mais esperar
Eu não consigo, eu não consigo, eu não consigo esperar por você


Mãe divina, escute meu pedido,
Eu amaldiçoei seu nome umas mil vezes.
Eu senti a raiva em minha alma;
Tudo que preciso é uma mão para segurar.


Oh eu sinto que o fim chegou,
Não mais minhas pernas vão correr.
Você sabe que eu preferiria estar
Em seus braços esta noite.


Quando minhas mãos não mais tocarem,
Minha voz pára, eu sumo.
Mãe divina, então estarei
Deitado, salvo em seus braços.


Éric Clapton e Pavarotti

Nenhum comentário:

Postar um comentário